A Barbie e os contos de fadas

Para transformar sonhos em realidade, é preciso bem mais do que uma noite apenas

São duas coisas que vêm à minha mente quando penso em Festa de 15 Anos, em maiúsculo, por gentileza. O vestido, a decoração, o ritual… As aniversariantes são as princesas dos contos de fadas contemporâneos. De deixar Grimm, Perrault e Andersen impressionados. No caso de quem cresceu brincando de Barbie, trata-se da realização de um sonho. Com direito a par de honra no lugar do Ken. Para o glamour completo, só falta o castelo.
Esse o tema do Na Pilha! desta terça-feira. Na publicação, nossa proposta é dar dicas de como planejar, providenciar e aproveitar esse momento. São sugestões de profissionais misturadas a experiências vividas por aniversariantes. Para quem está a fim de comemorar a data, vale a leitura. Familiares, amigos e demais convidados também devem dar uma espiada, especialmente na página sobre os presentes.
Se completar 15 anos é uma data especial? Diz a tradição que sim. Não tenho fontes seguras, apenas o que observo na cultura ao meu redor. Aprendi, por exemplo, que essa idade representava a transformação da criança em adolescente. O baile seria o momento da apresentação à sociedade e, a partir de então, a menina estaria autorizada a namorar, ir às festas… Convenhamos que, se esse fosse o motivo, muitas comemorações perderiam o sentido hoje.
Por experiência própria, completar 15 anos não chega a ser mais especial do que fazer 7 ou 19 anos, duas idades que me marcaram bastante. Hoje, do alto dos meus 20 aninhos, enxergo prioridades que vão além de uma noite de festa. Viagem, aparatos tecnológicos, mudanças no meu quarto… A lista de investimentos seria grande.
Também não deixo de pensar nas garotas que não têm condições de realizar esse sonho tão comum quando se está com 14 anos. A maioria das que eu conheço não comemoraram de forma glamourosa. Foi preciso amenizar nos pedidos, diminuir as vontades. E não morreram por causa disso, vale frisar.
Já brinquei muito de Barbie. Sara Peters era a minha favorita. Também gostava de ouvir historinhas e tive uma coleção de contos de fadas. Meu preferido daquela caixa musical? ‘A Bela e a Fera’. Ganhei festa de 15 anos. Recebi familiares, amigos e até mesmo uns penetras. Foi divertido. Mas guardo poucas fotos.
Minhas barbies se alimentavam, usavam roupas que eu mesma costurava com a ajuda da minha avó, tomavam banho no tanque, como se estivessem em uma piscina, trabalhavam, casavam, se desentendiam, criavam filhos… E os contos de fadas, você deve saber, sempre terminam bem.
Ou seja, para transformar sonhos em realidade, é preciso bem mais do que uma noite apenas. A propósito, no convite da minha festa, havia uma mensagem, retirada da internet, com o seguinte: “15 anos, 15 dias, 15 minutos – o que vale é a intensidade com que se vive”.

Flores da Dii!!

Tags:

2 Respostas to “A Barbie e os contos de fadas”

  1. Marco Antonio Doesse Says:

    Parabéns pelo caderno especial sobre 15 anos publicado na Folha do Mate. Muito bom mesmo! Aproveito para informar que estou de volta aos cerimoniais de 15 anos, debus e demais eventos. Aliás, durante muitos anos fui MC em diversas festas de 15 e dos mais belos debus que o Leituras já realizou. Bons tempos meninas! Depois de um tempo me dedicando as festas na região como dj do sertanejo universitário e apresentando concursos de soberanas em vários municípios, me coloco novamente à disposição dos cerimonialistas de Venâncio e região. Precisando de uma voz e com algumas experiência na bagagem, é só contatar no doesse@brturbo.com. br

  2. roberta Says:

    parabens

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: