Escola: o último primeiro dia

Galera reunida

Galera reunida

Hoje, estou aqui para falar dos meus sentimentos. Pois é. Andei ‘sumida’ por um tempo porque não é sempre que minha criatividade para escrever coopera, ela aparece quando quer e, às vezes, me deixa na mão. Mas, hoje, vou falar sobre um acontecimento recente (de ontem/hoje, especificamente) que mexeu com o meu emocional.

Na madrugada de domingo para segunda-feira, aconteceu o ‘viradão’ do terceiro ano da minha escola. Viradão, para quem não sabe, é quando uma ou mais turmas de terceiro ano do ensino médio se reúnem um dia antes do início das aulas e viram a noite – no caso de a turma ser no turno da manhã, como a minha – em claro, ouvindo música, conversando, fazendo brincadeiras, se divertindo. De alguns anos para cá, se tornou uma tradição. Terceiro ano que não faz viradão não é terceiro ano.

Como eu estava dizendo, ontem/hoje foi o viradão da minha turma. Foi divertido, é claro, mas a melhor parte, na minha opinião, foi o momento da chegada. Todos se reuniram, tiraram fotos e, mesmo morrendo de sono por ninguém ter dormido, veio aquele choque de realidade. É o que costumam dizer: o último primeiro dia. Chegar na escola e ver todos os outros alunos lá foi um pouco impactante, porque eu olhava para eles e pensava em quantas vezes já iniciei um ano letivo naquela escola, tendo a certeza de que, no ano seguinte, estaria lá novamente e, dessa vez, eu tinha uma certeza contrária: eu nunca mais seria uma estudante daquela escola.

Junto com o sentimento de nostalgia por ter que deixar algo que já fazia parte da minha rotina há anos para trás,  veio a expectativa de um futuro diferente, excitante e muito esperado por mim. Todos os anos dedicados de estudo e todos os planos que ocuparam minha mente por tanto tempo, agora vão, finalmente, ser colocados em prática.

Estou pronta para deixar para trás o que tem que ser deixado – claro que com uma pontinha de saudade – e subir mais um degrau na escada da minha vida, sempre correndo atrás daquilo que almejo e buscando ser o melhor que eu posso ser.

Beijocas da Mari!

Tags:

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: